Reabilitação Bucal

próteses fixas unitárias, parciais fixas e e removíveis, dentaduras, próteses sobre implantes

REABILITAÇÃO BUCAL2019-05-20T14:48:24-03:00

Porque investir na reabilitação da sua boca

A cavidade oral é composta por dentes, gengiva e osso. Se uma dessas estruturas é danificada, ou perde sua utilidade devido a algum trauma ou patologia, é possível reparar o problema por meio da reabilitação. A ideia é devolver ou criar uma condição funcional mastigatória, fonética e estética que melhore a qualidade de vida do paciente. O processo pode ser parcial ou total, dependendo do grau de comprometimento dessas funções.

É importante lembrar que o planejamento não visa apenas o lado estético. Ele é, de acordo com o especialista, um meio de manter o equilíbrio da saúde bucal e prevenir que outras estruturas sejam prejudicadas. A falta de um molar, por exemplo, pode desencadear a movimentação dos dentes vizinhos, alterando o posicionamento da arcada ou levando o paciente a desenvolver o hábito de mastigar apenas do lado oposto ao dente perdido, sobrecarregando a musculatura e a dentição.

É uma forma de repor dentes perdidos. Ela é fixa, ou seja, após instalada, não pode ser retirada.  Existem quatro tipos de próteses fixas:

  • Coroa: prótese fixa mais utilizada, em que o dente é preparado para receber uma coroa ao redor dele. Geralmente, é feita em cerâmica ou metal.
  • Ponte: se há perda completa do dente, usa-se a ponte para substituí-lo com a ajuda de outros dentes.
  • Bloco: quando há a preservação da maior parte do dente, o bloco restaura o elemento dentário em falta.
  • Prótese fixa sobre implante: funciona como a coroa ou a ponte, mas a prótese nesse caso não é feita sobre o dente, e sim sobre um implante dentário.

A prótese parcial fixa é a restauração parcial ou total da coroa de um dente, quando se denomina prótese fixa unitária, ou a substituição de um ou mais dentes perdidos, quando se denomina prótese parcial fixa (ou ponte fixa).

Os dentes tratados endodonticamente (tratamento de canal) são normalmente mais frágeis devido a perda de estrutura dental, cáries, preparação cavitária e instrumentação do canal radicular, tornando-os mais vulneráveis a fraturas. O núcleo ou pino intracanal, como o próprio nome já diz, vai dentro da raiz do dente após realizado preparo. Ele serve para dar ancoragem e resistência à parte protética externa.

Ao ser fixada sobre os dentes do paciente, previamente preparados para recebê-la, reabilita-o para mastigar, falar ou sorrir. Recebe o nome de “fixa” porque não pode ser removida pelo paciente.

Geralmente relacionada aos pacientes na terceira idade, a prótese dentária é uma opção de recuperação da forma e funções bucais. A prótese removível substitui de um até todos os dentes, tanto na parte superior quanto na inferior. E ainda, ela destaca que os dispositivos se apoiam nos dentes e gengivas. Os benefícios relacionados a essa opção são a possibilidade de retirá-la da boca quando o paciente achar necessário, como dormir e higienizar a peça. A escolha entre parcialmente ou totalmente removível dependerá da avaliação do cirurgião dentista. E então, o melhor tratamento será iniciado.

Próteses são substitutos para os dentes ausentes que podem ser retiradas e recolocadas na boca. Embora leve algum tempo para que a pessoa consiga se habituar a utilizá-las e embora nunca sejam exatamente iguais aos dentes naturais, atualmente elas oferecem uma aparência mais natural e maior conforto quando comparadas a aquelas de alguns anos atrás.

Prótese sobre dente é quando você tem a raiz fixada no osso, podendo ou não ter a coroa. Quando não se tem mais a coroa dentária e você tem somente a raiz ou algum remanescente, você pode colocar uma prótese, que neste caso será uma prótese sobre dente, ou seja prótese fixa como é chamada.

Quando se perde a raiz, independente do motivo, tem que ser colocado um implante dentário no lugar. O implante dentário é um parafuso que é fixado no osso, substituindo assim a raiz do dente.

E a prótese sobre implante é a peça protética ou coroa de porcelana colocada parafusada ou cimentada neste implante, ou seja, o dente branquinho que enxergamos.

Em casos de perdas parciais de um ou mais dentes onde ainda existam remanescentes dentários podem ser utilizadas próteses unitárias ou parciais fixas sobre implantes, substituindo com eficácia cada dente perdido e restabelecendo as funções mastigatória do paciente.

HORÁRIO DE ATENDIMENTO

Segunda – Sexta 8:00 – 19:00

ENDEREÇO

Entre em contato!

Clínica especializada nos mais diversos procedimentos em odontologia, agende sua consulta!